Vivência Circense

A vivência é o solo do PENSAMENTO. Toda vivência é um devIR que altera as condições de EXISTÊNCIA!

 

A experiência estética é realizada por meio de dispositivos criativos para o desenvolvimento da cognição e para a investigação corporal da performatividade circense. Nessa Vivência Circense, os participantes terão contato com uma estética de composição que busca a inter-relação entre linguagens cênicas, trazendo referenciais corporais do estudo do movimento com relação à manipulação de objetos e da técnica da improvisação em contato aplicada à corporalidade circense.

Conteúdo programático
– Mapeamento corporal: realização de exercícios a partir de orientações sobre a organização corporal, apoios e transferência de peso, como também a execução de bases para sustentação do corpo com relação ao objeto.

– Percepção do uso do corpo para o movimento dançado partindo da compreensão da anatomia humana: a funcionalidade e possibilidades de uso dos apoios corporais através da mobilidade da coluna vertebral, da projeção do esqueleto apendicular (vetores) e da ativação de cadeias musculares através da noção de organização corporal partindo do esqueleto axial (eixo), da percepção da força da gravidade e do equilíbrio e desequilíbrio da dimensionalidade corporal com relação aos fatores do movimento tempo e espaço.

– Estudo do movimento com relação ao objeto manipulado: realização de exercícios com objetos (claves e folha de papel) a partir de princípios do movimento com relação ao tempo, espaço, peso e fluência e das propriedades do movimento com relação ao objeto, tais como desenho, giro, lançamento, queda, contato, encaixe, equilíbrio e pêndulo.

– Estudo da combinação tempo-objeto-espaço: exercícios a partir da prática da notação matemática de siteswaps.

Ficha técnica
Ministrantes: Larissa Lima e Luana Coelho Gomes 
Público alvo: Interessados em performance e processos de investigação corporal em Artes da Cena
Faixa etária: a partir de 16 anos
Carga horária: 3 horas
Participação: Mediante inscrição prévia e seleção via carta de intenção
Número de participantes: 15

Observações importantes: Os participantes deverão levar roupas confortáveis para prática corporal e caderno para anotações.

Rider técnico
Espaço FÍSICO:
Espaço com piso liso, emborrachado ou linóleo, com altura mínima de 3 metros para práticas corporais coletivas e lançamento de objetos.

Equipamentos e recursos de SOM:
– 01 caixa ativa
– 01 ponto de eletricidade (110w)